Suspeito de vazar vídeo íntimo de Natália, do BBB22, nega crime

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

[ad_1]

Um homem de 39, suspeito de ter vazado um vídeo íntimo de Natália, participante do BBB22, negou qualquer envolvimento na divulgação das imagens.

Ele contou que terminou o namoro em janeiro de 2020, e não sabia da existência desta gravação. Ele afirmou que, com a repercussão do caso, chegou a receber ligações com ameaças de morte. O suspeito será intimado a prestar esclarecimentos nos próximos dias.

“Tomei conhecimento desse vídeo na semana passada, quando mais de 20 pessoas começaram a me mandar, e também chegou em um grupo. Não fui eu quem divulgou essas imagens, nem sabia que essa gravação existia. Também não sou eu quem estou com ela no vídeo”, disse o homem.

[ad_2]

Fonte: O São Gonçalo