Subtenente do Exército é preso após matar vizinho de 60 anos a pauladas

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

[ad_1]

O subtenente do Exército Clodoaldo Oliveira da Silva Clementino, de 42 anos, foi preso neste domingo, acusado de matar o vizinho, Joaquim Luiz Antunes Moço, 60, a golpes de porrete, em Bangu, na Zona Oeste do Rio. A agressão teria ocorrido no último dia 23 de janeiro, e o idoso acabou morrendo no hospital na sexta feira (28).

O subtenente do Exército foi detido em sua casa em Bangu. Ele teria agredido seu vizinho, Joaquim Luiz Antunes Moço, de 60 anos, com um porrete. Joaquim chegou a ser socorrido por testemunhas e levado para o Hospital Municipal Pedro II, mas acabou não resistindo. Ele morreu na sexta-feira (28). 

A agressão ocorreu no último dia 23 de janeiro. Segundo o site Metrópoles, Joaquim teria se enganado e batido no portão de Clodoaldo pedindo para entrar, acreditando que aquela era sua casa. O subtenente, com mais de 20 anos no Exército, teria exigido que o idoso parasse de pedir para entrar na casa, mas como não foi atendido, passou a agredir o vizinho. Ao final, Joaquim foi encontrado por seus familiares, ferido, e foi encaminhado ao hospital, onde acabou morrendo.

Um mandado de prisão temporária foi expedido contra o subtenente do Exército e o caso deve continuar sendo investigado por agentes da 34ªDP (Bangu), onde o caso foi registrado.

[ad_2]

Fonte: O São Gonçalo