Em seu último Carnaval, Elza foi homenageada pela Mocidade Independente de Padre Miguel

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

[ad_1]

Sambista era uma das principais figuras da escola de samba e foi homenageada no último carnaval; após a morte da cantora, agremiação decretou luto e cancelou ensaios

WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDODesfile homenageou a história e a carreira da cantora

Ao longo de sua extensa carreira na música brasileira, a cantora Elza Soares sempre foi muito envolvida com o samba e o Carnaval. No Rio de Janeiro, ela já fez parte do time de canto de escolas como a Cubango e o Salgueiro, mas foi na Mocidade Independente de Padre Miguel que sempre se destacou. Além de ser figura frequente nos desfiles da agremiação e de ter sido intérprete nos desfiles de 1973 a 1976, a cantora recebeu uma grande homenagem da escola, ao ser tema do desfile de 2020, o último assistido por Elza. Assinado pelo carnavalesco Jack Vasconcelos, o enredo “Elza Deusa Soares” foi uma grande homenagem à cantora e a toda sua contribuição cultural para a música brasileira. No desfile, a escola destacou a luta dela contra o racismo, o machismo e a censura, mas também deu espaço para as origens de Elza. Com 269,4 pontos conquistados de 270 possíveis, a Mocidade terminou o ano na terceira posição, conseguindo retornar para o desfile das campeãs.

Logo depois do anúncio da morte da cantora na tarde desta quinta-feira, 20, a Mocidade utilizou suas redes sociais para lamentar a morte de Elza. “És a estrela! Seu povo esperou tanto pra revê-la! E reviu! Reviu o seu amor Independente passar na Avenida da forma mais linda possível! Você foi uma das maiores deste país. Só podemos agradecer por tudo. Consternados! Essa é a nossa despedida! Obrigado, Deusa. Nós não vamos sucumbir nunca!”, diz uma das publicações feitas pela agremiação. Em nota oficial, a escola anunciou luto de três dias pela morte de Elza e cancelou o próximo ensaio da Mocidade, que estava marcado para o próximo sábado, 22.

Confira o samba-enredo do desfile em homenagem à Elza Soares:

 



[ad_2]

Fonte: Jovem Pan