Onça-parda passa por cirurgia inédita para não ficar cega | Globo Rural

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

[ad_1]

De acordo com o veterinário Rafael Ferraz de Barros, quando ela chegou, estava clinicamente bem, mas, após alguns dias, Kiara começou a apresentar um quadro neurológico, tendo convulsões e alterações de equilíbrio.

À medida que ela foi se recuperando, os veterinários perceberam que ela tinha catarata. Para não ficar cega, a onça viajou cerca de 250 km de Patos de Minas até Uberaba. A cirurgia, realizada por 8 veterinários, durou uma hora e meia.

Saiba mais na reportagem completa no vídeo acima.

Vídeos: mais assistidos do Globo Rural

[ad_2]

Fonte: G1