Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos alerta beneficiários do BPC-LOAS

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

[ad_1]

A cada dois anos, os cidadãos que recebem o Benefício de Prestação Continuada precisam fazer o recadastramento dos dados. O BPC é o pagamento realizado pelo Governo Federal para idosos de 65 anos ou mais que não recebem aposentadoria e para pessoas com deficiência que estejam inscritas nos programas sociais do CAD-ùnico. Mas essas pessoas precisam estar atentas ao prazo para atualizarem seus dados. O recadastramento deve ser realizado de dois em dois anos, para não perderem o benefício. 

Quem faz o alerta é a coordenadora do Cadastro Único e Programa Auxílio Brasil em São Pedro da Aldeia, Gisela Nakazima. “É importante que as pessoas que recebam  o Benefício de Prestação Continuada (BPC), conhecido como LOAS, façam necessariamente seu Cadastro Único da Assistência Social (CadÚnico) e atualizem os seus dados a cada 2 anos. Essa é a garantia para continuar recebendo o seu benefício mensalmente.” 

O cadastro no CAD-Único e o recadastramento devem ser feitos nos CRAS da cidade. O beneficiário ou a família devem levar carteira de identidade, CPF, título de eleitor, caso seja maior de 18 anos, certidão de nascimento ou casamento e comprovante de residência.  

O post Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos alerta beneficiários do BPC-LOAS apareceu primeiro em Prefeitura de São Pedro da Aldeia.

[ad_2]

Fonte: Prefeitura de São Pedro da Aldeia