Ford Maverick chega ao Brasil pelo preço de R$ 239.990

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

[ad_1]

Ford Maverick

Maverick chega importada para ocupar lacuna entre as picapes intermediárias e as médias, sendo maior que uma Toro e menor que a Ranger

A Ford lança hoje (15) a picape Maverick, que chega importada do México para ocupar um novo espaço entre as intermediárias Fiat Toro e Renault Oroch e as picapes médias. O modelo será vendido em versão única, a topo de linha Lariat, e dotada do pacote off-road FX4, por R$ 239.990 – preço base nacional, podendo variar conforme o Estado.

Embora seja um projeto global, a Ford faz questão de ressaltar que a Maverick contou com parte de seu desenvolvimento envolvendo a engenharia brasileira, por exemplo, quanto à suspensão. O foco, para a fabricante, é o público que quer espaço e conforto de SUV, mas precisa da capacidade de carga típica das picapes.

Ford Maverick

E daí ela então vem para ocupar essa lacuna entre as intermediárias e as médias, sendo menor que a Ranger em dimensões e altura do solo. Nas medidas, são 5.073 mm de comprimento, 1.844 mm de largura, 1.733 mm de altura e 3.076 mm de entre-eixos. Sua plataforma é derivada daquela usada no Bronco, porém, com menos aptidões fora de estrada em relação ao SUV.

E COMO ANDA? CONFIRA NOSSAS PRIMEIRAS IMPRESSÕES

Ford Maverick

A caçamba tem 1.344 mm de comprimento, 1.353 mm de largura e 516 mm de altura, oferecendo capacidade de carga de 617 kg, ou 943 litros de volume. Já a capacidade de reboque da Maverick é de 499 kg. Para trechos off-road, possui 218 mm de altura livre do solo, ângulo de ataque de 20,6º, ângulo de saída de 21,2º, ângulo de transposição de 18,1º e capacidade de imersão de 450 mm.

Ford Maverick

Design

O design já é conhecido, uma vez que a picape é comercializada lá fora há algum tempo. Na dianteira, o destaque fica com a grade preta com uma linha que abriga o logotipo da marca e interliga os faróis. Os faróis, aliás, tem luzes diurnas de LED na parte superior.

A traseira chama a atenção pelo nome Maverick na tampa da caçamba, com a placa posicionada no para-choque e deslocada do centro. A picape tem ainda dois ganchos para reboque na dianteira, além de gancho e espaço para engate de trailer na traseira.

Ford Maverick

A picape vem com rodas de 17 polegadas em preto, calçadas por pneus 225/65 all terrain. Santantônio, estribos laterais, capota marítima, capota elétrica e extensores de caçamba integram a lista de 18 acessórios disponíveis. Ao todo, serão oferecidas 10 opções de cores para a carroceria, incluindo azul, cinza, vermelho, laranja, prata, preto e branco.

Pulando para o interior, o destaque são os detalhes em cobre, presentes no painel e nos puxadores de porta, por exemplo. Os bancos exibem revestimento em couro marrom, com ajustes elétricos. E embaixo do banco traseiro há um compartimento de 73 litros. A cabine conta com duas telas, de 6,5″ e 8″, e um seletor giratório que substitui a alavanca de câmbio.

Ford Maverick

Performance

O conjunto mecânico traz o motor 2.0 EcoBoost turbo a gasolina com injeção direta, que entrega 253 cv de potência a 3.000 rpm e 38,7 kgfm de torque a 5.500 rpm. São 13 cv a mais do que no Bronco Sport, que traz o mesmo conjunto. Segundo a Ford, isso foi possível graças à relação de diferencial mais longa na picape, o que possibilitou mudanças na calibração de motor e câmbio para chegar a esse ganho de 13 cv.

O câmbio é automático de oito marchas, com sistema de tração integral AWD. Com esse conjunto, a aceleração da Maverick de 0 a 100 km/h é feita em 7,2 segundos, com velocidade máxima de 175 km/h. Quanto ao consumo, os dados aferidos pelo Inmetro são de: 8,8 km/l na cidade e 11,1 km/l na estrada.

Ford Maverick

Há cinco modos de condução à disposição do motorista, alterando trocas de marcha e mapa de aceleração, além da sensibilidade dos controles de tração e estabilidade. São eles: Normal, Reboque, Areia, Escorregadio, Lama/Terra.

E COMO ANDA? CONFIRA NOSSAS PRIMEIRAS IMPRESSÕES

No exterior, há também uma opção híbrida, que a Ford não trará ao Brasil. Segundo a fabricante, essa configuração não chegaria com um preço competitivo em nosso mercado, o que descartou sua vinda.

interior Ford Maverick

Equipamentos

A lista de itens de série inclui ar-condicionado dual zone, direção elétrica, partida sem chave, abertura das portas por código sem chave, freio de estacionamento elétrico, Auto Hold, multimídia Sync com tela de 8″, quadro de instrumentos digital de 6,5″, piloto automático, Start/Stop e conexão Android Auto e Apple CarPlay.

Quanto à segurança, a picape traz sete airbags (frontais, laterais, de cortina e de joelho para o motorista), frenagem autônoma com detecção de pedestres e ciclistas, controle de tração e estabilidade, farol alto automático, câmera de ré, controle de descida, assistente de partida em rampa e monitoramento de pressão dos pneus.

O proprietário tem também a comodidade do FordPass Conect que permite acesso remoto a informações do veículo, como pressão dos pneus, além de partida remota e acionamento da climatização.

Os preços divulgados pela Ford para as cinco primeiras revisões (até 10.000 km ou 12 meses) soma R$ 5.840. E quem quiser, conta com uma blindadora certificada pela fabricante para receber o veículo novo já blindado e sem perder a garantia de fábrica do veículo, pelo custo extra de R$ 78.500.

Ford Maverick

E COMO ANDA? CONFIRA NOSSAS PRIMEIRAS IMPRESSÕES

Fotos: Divulgação

[ad_2]

Fonte: Revista Carro